Erótico Enrustido: Escancarando de Vez

terça-feira, 26 de maio de 2009

Escancarando de Vez

"Tem certas coisas que são meio perigosas
Situações um tanto quanto escandalosas
Mas sempre vale a pena até correr o risco
A vida é pra viver...
Se de repente a gente encontra alguém na rua
Pode acabar até envergonhando a lua
Num desses lances muito loucos que acabam num quarto de motel
E as vezes basta a porta aberta do banheiro
Uma tremenda brincadeira no chuveiro
E as vezes basta uma pergunta embaraçosa pra gente confessar
Quem é que nunca recebeu uma cantada
Quem é que nunca respondeu no mesmo tom
Quem é que nunca rebeu um bilhetinho das mãos de um garçon

Eu e você assim ao som de um bolero
Pra lá, pra cá do jeito que eu quero
Vem cá, me dá que eu sei aonde vai chegar
Se o corpo quer assim, assim coladinho
Pra lá, pra cá, do nosso jeitinho
Me trás, me faz, me roça e deixa acontecer

E o que importa o que eles vão pensar de mim
Eu quero mais comer o fruto até o fim
Eu e você à dois, à três escancarando de vez"

5 comentários:

Escorpiana disse...

"Vem cá, me dá que eu sei aonde vai chegar"
"Me trás, me faz, me roça e deixa acontecer"
"E o que importa o que eles vão pensar de mim
Eu quero mais comer o fruto até o fim"

Minhas partes preferidas. Falaria todas essa frases de boca cheia!! rs

Bjooos!

Pulsar disse...

Linda música, não conhecia....
eu tb penso assim, AVIDA É PARA VIVER...
beijo grande moça linda.

Loloh disse...

Nunca recebir, bilhetinho...
:(

Mas adorei seu post...
bjus

Ernani Netto disse...

A três?

Uau! Tá ficando quente isso...

Bjaum

Rossana Fernandes disse...

Mii, eu nunca recebi bilhetinho mi. Ó vida, ó céus, ó sei lá o que..rss